Contribua

Imprensa

Senai Cimatec já reparou 101 respiradores mecânicos de hospitais baianos

Cento e um respiradores mecânicos de hospitais baianos que estavam com defeito foram reparados pela Senai Cimatec. A ação faz parte de uma força-tarefa coordenada pelas secretarias estaduais do Planejamento (Seplan) e Desenvolvimento Econômico (SDE). Uma equipe de engenheiros e técnicos continua trabalhando para reparar os equipamentos, vitais em meio à pandemia da covid-19.

“A equipe do Senai Cimatec está realmente de parabéns por este belo trabalho colaborativo. Estes 101 equipamentos já foram devolvidos para os hospitais para salvar vidas e fortalecer o combate ao Coronavírus. A meta desta ação era realizar o reparo de 100 unidades, então já foi superada e o trabalho continua de forma intensa para devolver aos hospitais mais respiradores. Inclusive, já solicitamos para fabricantes a reposição de peças para ampliar a dimensão deste trabalho ainda mais”, explica o secretário estadual do Planejamento, Walter Pinheiro.

De acordo com o diretor do Senai Cimatec, Leone Andrade, a equipe de trabalho conta com 50 profissionais, entre engenheiros clínicos, técnicos e engenheiros de eletrônica e mecânica, engenheiros de automação, gestores e o pessoal de logística.